Dojo Kun

O dojo kun, são os preceitos filosoficos do karate, repetidos em cada sessão de prática do Karate. Visando promover uma reflexão a todos sobre carater, esforço, atitudes, virtudes e estado de espirito  tanto dentro quanto fora do dojo.

一、人格完成に努むること
HITOTSU – JINKAKU KANSEI NI TSUTOMURU KOTO
Primeiro.  Esforçar para formação do caráter.

一、誠の道を守ること
HITOTSU – MAKOTO NO MICHI WO MAMORU KOTO
Primeiro. Fidelidade com o verdadeiro caminho da razão.

一、努力の精神を養うこと
HITOTSU – DORYOKU NO SEISHIN O YASHINAU KOTO
Primeiro. Criar o intuito de esforço.

一、礼儀を重んずること
HITOTSU – REIGI O OMONZURU KOTO
Primeiro. Respeito acima de tudo.

一、血気の勇を戒むること
HITOTSU – KEKKI NO YU O IMASHIMURU KOTO
Primeiro. Conter o espírito de agressão.

Para Funakoshi Sensei todo os Kun eram de igual importância, por este motivo começam com Hitotsu, que significa Primeiro.

Disponibilizado pela JKA Brasil, o Dojo kun pronunciado em japonês, Nihongo pelo Sensei Machida

VOCABULÁRIO

  • DOJO – local onde se pratica uma arte marcial; academia.

  • KUN – mandamento; obrigação.


  • HITOTSU – um; uma unidade.

  • JINKAKU – caráter; personalidade.

  • KANSEI – formação; conclusão; término; acabamento.

  • NI – para.

  • TSUTOMURU – esforçar-se; empenhar-se; tentar arduamente.

  • KOTO – sufixo que transforma a expressão em uma ordem.

  • HITOTSU – um; uma unidade.

  • MAKOTO – verdade; sinceridade; honestidade.

  • NO – de; do; da.

  • MICHI – caminho.

  • O (WO) – indica objeto direto.

  • MAMORU – obedecer; respeitar; guardar; cumprir; defender.

  • KOTO – sufixo que transforma a expressão em uma ordem.

  • HITOTSU – um; uma unidade.

  • DORYOKU – esforço; empenho.

  • NO – de; do; da.

  • SEISHIN – espírito; alma; vontade; intenção; mentalidade.

  • O (WO) – indica objeto direto.

  • YASHINAU – alimentar; sustentar; manter; criar.

  • KOTO – sufixo que transforma a expressão em uma ordem.

  • HITOTSU – um; uma unidade.

  • REIGI – etiqueta; cortesia; civilidade; boa educação; respeito.

  • O (WO) – indica objeto direto.

  • OMONZURU – respeitar; ter muita consideração; apreciar; estimar; venerar; honrar.

  • KOTO – sufixo que transforma a expressão em uma ordem.


  • HITOTSU – um; uma unidade.

  • KEKKI – impetuosidade; arrebatamento; violência.

  • NO – de; do; da.

  • YU – vigor; coragem.

  • O (WO) – indica objeto direto.

  • IMASHIMURU – repreender; proibir; reprimir; conter.

  • KOTO – sufixo que transforma a expressão em uma ordem.


 

fontes:

4 comentários em “Dojo Kun”

  1. Quem sempre treina uma arte marcial fica sempre tentado a experimentar na vida vida real aí qualquer motivo é razão para agredir um leigo, puro prazer e maldade. Já vi muitos caras assim, não gosto de quem pratica artes marciais, nem mantenho amizade. Se um conhecido começa a treinar já vou me afastando da pessoa. Fico com meus amigos do surf, skate, futebol. Não quero amigo lutador. Marcelo Gueiros, é o que acho com sinceridade.

    1. Entendo o seu ponto. Fico triste que vc só tenha encontrado pessoas assim, tanto onde treino Karate quanto no lugar que treinei Jiu-jitsu, encontrei algumas das pessoas mais pacificas que já conheci.
      Nas artes marciais como Karate, Judo, Jiu-jitsu e aikido se aprende a ter controle, saber quando agir e quando não agir.. Nos treinos é comum lutarmos com pessoas mais velhas, mais novas, maiores, menores de ambos os sexos e sem controle pode machucar o companheiro de treino.

      Uma das coisas que infelizmente acontece, é alguem que ainda não foi graduado e aprendeu 3 golpes achar que pode simplesmente sair por ai lutando com qualquer um. Esse tipo de atitude não é incentivado em locais sérios.
      Pessoas violentas estão presentes mesmo em grupos de futebol e skate, digo porque já presenciei situações feias, não posso dizer nada do surf pois não conheco.

    2. Pois esses não são os verdadeiros praticantes de artes marciais as pessoas que achar que deve seguir a artes marciais dessa forma estar totalmente enganado e na frente ele vai encontrar com os castigo que a vida traz para pessoas assim . Eu sou praticante da artes macias defendo ela como se deve ser treinada e como deve ser passada para todas as pessoas que pensa em aprender artes macias da forma verdadeira .

  2. Nossa que lamentável isso cara, onde eu treino só tem monge, galera mó na paz..todo mundo brinca. Você deve ter tido algum trauma na infância para ter esse tipo de pensamento sobre artes marciais, sinceramente! Aqui é para formar o caráter, não o contrário. Agora tem que ficar atento..tem gente que é violenta por natureza, não podemos banis as artes por causa dessas pessoas, eu gosto de games, sempre joguei jogos violentos como GTA. Sempre tive a visão de saber separar as coisas, fui ensinado assim. Tenho 30 anos e nunca encostei um dedo em ninguém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *